quinta-feira, 21 de julho de 2005

Raposices

Há momentos engraçados que só são possíveis quando se está na boa companhia do João Raposo.
Depois do jantar, fui com ele e o Diogo à procura de um pub que estivesse a transmitir o Celtic-Sporting. Como não encontrámos nenhum, fomos andando na direcção da estação de Warren Street, a 10 minutos daqui, naquela curiosidade tão portuguesa de meter o nariz na confusão. Havia ruas cortadas, polícias, câmaras de televisão, enfim, nada de novo por aqui.
Mas a certa altura eu disse: "olha, aquele é da TVI!" E passados 5 segundos, lá estava o João à conversa com o João Maia Abreu, a perguntar-lhe as últimas informações sobre as bombas...

2 comentários:

constança disse...

Sim... que rapozice :D São estas coisas que fazem o joão tão especial, certo?
Como tem sido aí? os 3 juntos?
Ainda bem que vcs estão todos bem, mas de facto isto que se anda a passar não é normal!! dizia-me a minha mãe "constança a cidade do méxico (no ano passado!) e S. Paulo (este ano!) são cidades MUITO perigosas...", mas não me parece que se possa agora dizer que estamos a salvo por aqui! Que estupidez isto do terrorismo"! É mesmo ESTUPIDEZ!!!
vão contando coisas... gosto de saber :D e convence o joão a fazer um blog tb :D bjs

Goncalo Boavida disse...

Tiago, ainda bem que corre tudo bem. Isso anda complicado por aí, força